O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, devem se reunir, pela segunda vez, entre os dias 27 e 28 deste mês, em Hanói, no Vietnã. Autoridades norte-americanas, norte-coreanas e vietnamitas finalizam os detalhes da reunião.

Um grupo norte-coreano, liderado por Kim Chang Son, assessor de Kim Jong Un, conheceu autoridades vietnamitas e visitou hotéis, onde o líder pode ficar. Uma equipe dos Estados Unidos também inspecionou possíveis acomodações para o presidente Donald Trump.

A previsão é que equipes dos Estados Unidos e da Coreia do Norte se reúnam para coordenar os detalhes da cúpula.

O Vietnã foi escolhido por ser um local relativamente neutro para as duas partes. A Coreia do Norte tem tradicionalmente mantido relações estreitas com o país. Já os Estados Unidos reataram oficialmente os laços diplomáticos com o Vietnã em 1995, depois de décadas de tensões.

A primeira cúpula entre Estados Unidos e Coreia do Norte, em junho do ano passado, terminou com uma vaga promessa de Pyongyang pela desnuclearização, mas os diálogos ficaram paralisados.

A Coreia do Norte quer o fim das sanções em resposta aos esforços do país, enquanto os Estados Unidos afirmam que primeiramente querem verificar um progresso concreto.

*Com informações da NHK, emissora pública de notícias do Japão

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui