O Cartão do Caminhoneiro, criado pela Petrobras, vai começar a funcionar, ainda em fase de testes, a partir de segunda-feira (20).

Nesse primeiro momento, em três estados: Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro. No resto do país, a previsão é que comece a funcionar no dia 25 de junho.

O anúncio da medida, que já havia sido divulgada mais cedo pela Petrobras, foi feio pelo presidente Jair Bolsonaro e o ministro das Minas e Energia, Bento Albuquerque, durante a transmissão semanal ao vivo pelo Facebook nessa quinta-feira (16).

Esse cartão poderá ser usado por caminhoneiros autônomos e também para transportadores e embarcadores. Será um cartão pré-pago para a compra de diesel, em postos com a bandeira Petrobras nos principais corredores rodoviários do país.

De acordo com o ministro de Minas e Energia, a medida vai trazer mais segurança e facilidade aos caminhoneiros.

Segundo a Petrobras, durante esse período de testes, os caminhoneiros poderão fazer um pré-cadastramento no site cartaodocaminhoneiro.com.br.

Quando o programa estiver funcionando definitivamente, será possível fazer o cadastro por aplicativo, pelo telefone ou pessoalmente, em locais ainda a serem divulgados.

Com o cadastro feito, o caminhoneiro vai poder transferir valores para o cartão e fazer a conversão desses valores para litros de óleo diesel, que podem ser utilizados em até 30 dias na rede de postos Petrobras credenciada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui