João Monlevade recebe festival científico internacional

Pint of Science chega à 4a. edição e o Brasil é líder em levar Ciência para o bar

O festival é reconhecido por manter a diversidade de assuntos e habilidade dos palestrantes em realizar um bom diálogo com a plateia

João Monlevade está entre as 400 cidades do mundo que vão sediar, em maio, uma edição do “Pint of Science”, um festival com temas científicos feito em um bar, regado a cerveja e bate papo de alto nível sobre temas emergentes e que borbulham nas universidades do planeta. A iniciativa de trazer o festival para João Monlevade partiu de professores da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) – Unidade João Monlevade, e contou com adesão de outras duas importantes instituições de ensino superior com sede no município: a Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop) e Faculdade Doctum de João Monlevade.

Além disso, o Festival integra o projeto “Viva Monlevade” realizado pelo Conselho Permanente de Desenvolvimento Social e Econômico (CP10), por meio da Câmara Técnica de Inovação da Associação Comercial e Industrial de João Monlevade (Acimon).

O Pint of Science Brasil é o maior do mundo e a edição monlevadense vem com a novidade de que esse ano não vai ter power point no bar! Pois é, este ano o festival não terá “aulas nos bares”: serão muitas conversas e muitas mesas redondas com o objetivo de estimular o debate.

Por que o festival faz esse sucesso? A resposta poderia vir recheada de dados e justificativas de comparação científico-culturais, mas o fato é que o brasileiro adora uma boa conversa.

O festival é reconhecido por manter a diversidade de assuntos e habilidade dos palestrantes em realizar um bom diálogo com a plateia. Na edição 2019 (a 4ª no Brasil) o Pint mantém a diversidade também nas cidades participantes: de Alegrete à Macapá, o Pint tem a participação de todas as regiões do país e abordará temas das áreas de Legislação, vacinação, modificação genética, astronomia etc…

Em João Monlevade, a programação contará com 6 conversas com as seguintes temáticas: Psicologia e Contemporaneidade, Redes Complexas e Mobilidade Urbana, Engenharia da Computação, Barragens de Rejeitos e seus desafios tecnológicos, Raça e Etnias e Metalurgia, Materiais e Mineração. Os eventos serão nos bares Estação 59 e Nomad (ambos na avenida Castelo Branco, no bairro República). A programação completa e os currículos dos cientistas participantes podem ser conferidos no site http://pintofscience.com.br/events/joaomonlevade.

Origem – Nascido em 2013, da iniciativa de 2 pesquisadores do Imperial College, que trabalhavam com doenças neurodegenerativas e perceberam o interesse do público não acadêmico pela Ciência; em 3 anos o festival já conquistou os 5 continentes.

Em 2019, o Pint chega ao Brasil nos dias 20, 21 e 22 de maio e as apresentações ocorrem no período noturno, entre 19h e 22h e espera-se um público de 70 mil pessoas prestigiando o festival em todo o país. Você não será o mesmo depois do Pint 2019!

 

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta para “Viva Monlevade”: cultura, inovação e fomento ao desenvolvimento em atividades gratuitas | O Popular Cancelar resposta

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui