Manifestantes fecham rodovia e entram em confronto com a polícia em Itabira

Alguns manifestantes portavam armas de fogo, pedaços de madeira, pedras e até bolinha de gude, que foram arremessados contra os policiais militares que revidaram com bombas de efeito moral e balas de borracha

De acordo com a Polícia Militar a situação somente foi controlada por volta das 14h30.

Moradores do bairro Pedreira, em Itabira, realizaram nesta terça-feira (10), uma manifestação na MG-120, segundo eles, contra o aumento da passagem do transporte público na cidade. Segundo informações, no local não havia uma comissão ou alguém que falasse em nome do grupo, formado por cerca de 80 pessoas.

A via foi fechada nos dois sentidos e somente moradores que seguiam a pé para o trabalho, tinham permissão dos manifestantes para passar pelo local.

O ato teve início por volta das 04h da manhã próximo da subestação de energia da Cemig.

Alguns deles, segundo a polícia, portavam armas de fogo, pedaços de madeira, pedras e até bolinha de gude, que foram arremessados contra os policiais militares, que aguardavam de longe, até o amanhecer para tentarem resolver o problema e desobstruir a via.

Por volta das 07 da manhã, um caminhão do Corpo de Bombeiros chegou ao local e iniciou o trabalho de limpeza da rodovia para liberar o trânsito, momento que alguns manifestantes mais exaltados, começaram a atirar pedras contra o veículo e até disparos de armas de fogo. Os policias militares que estavam no local revidaram com bombas de efeito moral e balas de borracha.

Vários homens armados e encapuzados foram vistos no meio da manifestação
Vários homens armados e encapuzados foram vistos no meio da manifestação

 

Os militares conseguiram fazer com que os manifestantes deixassem o local, mas eles foram para outro ponto da rodovia e atearam fogo em pneus e voltaram a jogar pedras e atirar foguetes contra os policias, que novamente revidaram com mais bombas, transformando o local em uma praça de guerra.

Para que alguns motoristas pudessem seguir viagem sentido à Santa Maria de Itabira, a polícia providenciou um desvio passando pelo Parque de Exposições da cidade e depois pela MG-129.

De acordo com a Polícia Militar a situação somente foi controlada por volta das 14h30.

Segundo o major Rogério Fernandes, do 26º Batalhão da Polícia Militar, que comandou a operação, foram apreendidos 06 menores, 17 adultos e um preso, foragido da justiça, foi recapturado. “Alguns aspectos precisam ser considerados sobre a manifestação no bairro Pedreira. A manifestação estava em desacordo com os princípios constitucionais que prevê algumas medidas para que ela ocorra. Não se pode manifestar com armas, destruindo placas de trânsito, ateando fogo em pastos, jogando pedras na PM, desacatando, xingando, enfim, cometendo diversos crimes para a sua realização. Isso é crime e nós não podemos permitir. Outra situação, são as pessoas encapuzadas na manifestação. Quem usa esse tipo de artifício, só tem um objetivo, que é para não serem identificados e responsabilizados em caso de cometimento de crimes”, disse o oficial.

Segundo informações não houve feridos no confronto.

 

Julho 2017

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here