Segundo ministro, BR-381 pode ser leiloada no início do ano que vem

Obras na BR-381 seguem a ritmo lento (Arquivo OP)

O ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, declarou que o trecho da BR-381 que corta Minas Gerais, entre Sabará e Governador Valadares, deve ser leiloado no primeiro semestre de 2020. Segundo ele, a pasta vem preparando um pacote com várias licitações para estradas brasileiras e 22 aeroportos do país. O formato do leilão não foi divulgado.

A BR-381, palco de centenas de acidentes, é conhecida “Rodovia da Morte”. Segundo balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), só em 2017, foram contabilizados na rodovia 4.177 colisões e 222 mortes.

Promessas de duplicação da 381 são antigas e estão bem longes de serem concluídas. Até hoje, apenas 2,1 km de intervenções na rodovia, que correspondem aos lotes 3.2 e 3.3 – entre os municípios de Nova Era e Jaguaraçu estão prontos.

Entre idas e vindas na obra, há suspensão parcial de verbas pelo Tribunal de Contas da União que constatou que entre Caeté e Itabira, à má qualidade do pavimento fixado na via pela empresa responsável pela obra (lote 7). Por conta disso, os serviços que são uns dos poucos em andamento estão atrasados.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui