A vítima só foi vista após o caminhão parar próximo a obra onde fazia uma entrega de concreto

Um adolescente de 17 anos morreu por volta das 08h da manhã desta sexta-feira (24) após pegar uma rabeira em um caminhão de uma empresa de concreto, quando o veículo passava pela Rua Betim no bairro de Lourdes, onde realizava serviços de concretagem em um prédio em construção.

A vítima Pedro Henrique da Silva Gomes foi visto caminhando pela calçada em rua lateral pelo motorista do caminhão e o ajudante dele, quando seguiam para a obra.

Quando o veículo parou em frente da construção na Rua Betim, para executar os serviços, o ajudante desceu para auxiliar o motorista na manobra de estacionamento quando viu a vítima presa na traseira do caminhão, entre uma escada e a caçamba de concreto.

O condutor do veículo ficou muito abalado e não quis falar com a imprensa.

A Polícia Militar foi acionada, bem como uma equipe do Sevor (Serviço Voluntário de Resgate), mas apenas puderam constatar o óbito.

O local foi isolado até a chegada da Perícia Técnica da Polícia Civil. Durante os trabalhos foi constatado que o corpo da vítima não apresentava ferimentos. A perita Cristiane Sales disse que a suspeita é que após a Pedro Henrique embarcar na traseira do veículo, fora do campo de visão do motorista, ele possa ter sofrido uma crise convulsiva e caído entre as partes metálicas do caminhão, mas somente o exame de necropsia poderá apontar com exatidão a causa da morte.

No local foi encontrado um celular do jovem que estava sobre o caminhão e um boné.

Após os trabalhos técnicos o corpo de Pedro Henrique foi removido do local e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IM), pela funerária Real Pax.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui