Adolescentes roubam dois carros, agridem vítima, trocam tiros com PM e fogem

Na madrugada desta segunda-feira (4), quatro adolescentes com idades entre 15 e 17 anos, tocaram o terror na região do bairro Novo Cruzeiro, em João Monlevade. Eles roubaram dois carros, agrediram com coronhadas umas das vítimas, trocaram tiros com equipe da Polícia Militar e conseguiram escapar do cerco policial.

No Boletim de Ocorrência, a ação dos menores infratores começou por volta das 2h, quando o bando rendeu um homem de 21 anos e roubou o carro dele na rua Vicente Rossi, no bairro Novo Cruzeiro. Para a polícia, a vítima contou que parou o veículo, um Kadet, para conversar com um conhecido e, em seguida surgiram de uma obra seis indivíduos armados que anunciaram o assalto.

Um dos autores assumiu a direção do veículo e mandou que o motorista entrasse e sentasse no banco de trás. Após dar algumas voltas em torno do bairro, o veículo apresentou defeito, não sendo possível prosseguir. Em seguida, os suspeitos fugiram levando o celular da vítima, que foi agredida a todo o momento com coronhadas na cabeça.

Durante rastreamento em busca dos autores, a viatura do Tático Móvel deparou com um Fiat/Siena de cor prata. Quando o motorista percebeu a presença da polícia, fugiu desobedecendo a ordem de parada.

Na altura da rua Leonardo Diniz, no bairro Teresópolis, os suspeitos furaram o cerco e bloqueio policial, jogando o veículo contra a viatura. O carona, que estava com a arma para fora do veículo, efetuou disparos contra as guarnições. A PM revidou os tiros.
Os menores infratores conseguiram fugir e seguiram em direção a BR-381 sentido posto da Polícia Rodoviária Federal, no bairro ABM. Em determinado momento, o bando perdeu o controle da direção do carro e rodaram na pista. Em seguida, fugiram para o meio do mato.

O carro usado na fuga foi roubado de um casal que chegava em casa, na rua rua Dinorá Magalhães, no bairro Planalto. As vítimas disseram que foram abordadas por quatro homens. Eles estavam armados e determinaram que o casal descesse do veículo. Os quatro suspeitos foram reconhecidos pelas vítimas.

O Siena foi levado para o pátio credenciado do Detran para ser periciado. Dentro dele foi localizada uma arma de fogo, calibre .44, com uma munição do mesmo calibre com sinas de estar picotada. Um suspeito foi apreendido.

Publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui