Alunos monlevadenses são prata e bronze em competição nacional de matemática

O Professor Hallison também será homenageado. Em fevereiro, o educador usou sua rede social para falar da preparação para a competição: "brincar com as mentes dos alunos como forma de preparação para as Olimpíadas. Eu acredito nos meus alunos"

Os alunos Arthur Nicolas Freitas (Escola Estadual Luiz Prisco de Braga) e Emily Frade dos Santos (Escola Municipal Centro Educacional) conquistaram medalha de ouro na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). O estudante Elian Damasceno de Oliveira (Escola Estadual Manoel Loureiro) também teve boa participação na disputa e ganhou bronze.  Outros 21 estudantes de João Monlevade receberam Menção Honrosa pelo desempenho na Olimpíada. O professor Hailisson Rodrigo Ferreira, do Centro Educacional, também será premiado pelo seu trabalho junto aos alunos.

A 15ª edição da Obmep registrou mais de 18 milhões de inscritos, de 54,8 mil escolas, de 99,71% dos municípios brasileiros. O torneio é destinado a estudantes do 6º ano do ensino fundamental a 3ª série do ensino médio.

Foram distribuídas 575 medalhas de ouro, 1.725 medalhas de prata, 5.175 de bronze e 51,9 mil menções honrosas. Todos os alunos medalhistas serão convidados a participar do Programa de Iniciação Científica (PIC Jr.), do Instituto de Matemática Pura Aplicada (Impa), como incentivo e promoção do desenvolvimento acadêmico dos participantes.

Criada em 2005, a Obmep tem o objetivo de estimular o estudo da matemática e identificar jovens talentos na área e contribuir para a melhoria da educação básica. A olimpíada é realizada pelo Impa e pelos ministérios da Educação (MEC) e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

Publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui