A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou nova tabela com os pisos mínimos de frete.

A planilha traz os valores mínimos a serem adotados pelo transporte rodoviário de cargas. O cálculo é feito com base no quilômetro rodado por eixo carregado e na distância percorrida.

Um caminhão que percorrer até mil quilômetros receberá R$ 0,94 por quilômetro rodado, para cada eixo do veículo.

A tabela considera ainda as especificidades dos produtos transportados. O valor do frete da carga perigosa é diferente da frigorífica ou a granel, por exemplo.

A política do frete mínimo foi uma das reivindicações dos caminhoneiros que paralisaram as estradas de todo o país em maio do ano passado.

De acordo com a resolução da ANTT, a medida entra em vigor a partir desta segunda-feira.

Porém, no dia 7 de janeiro, a Justiça Federal concedeu liminar à Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) proibindo a agência de aplicar multas pelo descumprimento da tabela de frete para as empresas filiadas à federação. Ainda cabe recurso da decisão.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui