Aplicativo permite que usuários monitorem todas as linhas de ônibus

A inovação, para o prefeito, é uma evolução na qualidade do serviço oferecido ao público-alvo da empresa Cisne

O aplicativo de monitoramento on-line de todas as linhas de ônibus municipais, Meu Ônibus, foi apresentado no final da manhã desta sexta-feira (27) para o prefeito de Itabira Ronaldo Magalhães, em seu gabinete. A diretoria da empresa Cisne explicou as funções da nova ferramenta, já disponível para download gratuito nas plataformas Android e IOS.

Com as informações de horários e itinerários das 30 linhas do transporte coletivo, distribuídas em 68 ônibus, todas as pessoas podem acompanhar em tempo real as rotas  dos ônibus, assim como suas exatas localizações. “Também serão colocados painéis eletrônicos em alguns pontos da avenida João Pinheiro, que darão todas as informações das linhas que passam no local para quem não tiver o aplicativo instalado”, explicou Estevam José de Oliveira, diretor de Transporte Público da Prefeitura.

Para Ronaldo Pires Lott, secretário municipal de Obras, Transportes e Trânsito (SMOTT), o aplicativo permite que a Superintendência de Transportes e Trânsito (Transita), também responsável pela fiscalização do transporte público, acompanhe os itinerários, tempo de viagem, velocidade, horários de pico e as saídas e entradas nos pontos finais e terminal. “Além disso, esse monitoramento pode diminuir as longas esperas dos usuários que não sabem exatamente o horário do ônibus e consequentemente a ansiedade que isso causa.

Também ajuda na questão da segurança, pois as pessoas não precisam permanecer nos pontos mais que o necessário em horários de pouco movimento”. O secretário ressaltou ainda que o aplicativo não resolverá os atrasos que assolam o transporte coletivo. “Sabemos que os atrasos são ocasionados por questões de trânsito, como pessoas que param em fila dupla, que não respeitam o semáforo, que ultrapassam de forma equivocada etc. Tudo isso causa atraso, porque problema com o próprio ônibus é eventual”, avaliou o secretário.

Aplicativo

O trabalho, como informou Albino José Pinheiro, diretor da Cisne, começou em abril deste ano, quando as ferramentas de monitoramento foram implantadas nas linhas 130 (Gabiroba/Fênix/Bálsamo) e na 010 (Bela Vista/Santa Ruth) para concluírem os primeiros testes. Paralelo a isso, todas as paradas de ônibus da cidade foram identificadas, totalizando 1.080 locais. Em seguida, os 160 itinerários das 30 linhas urbanas também foram mapeados, assim como as variações que cada uma apresenta.

Para utilizar o Meu Ônibus, é necessário apenas conexão à internet. De acordo com Albino Pinheiro, é um aplicativo simples e com funções bem definidas. “É fácil de usar, funciona em vários celulares, inclusive em modelos mais antigos. A única contrapartida é ter internet o tempo inteiro que estiver usando. Mas, é uma ferramenta leve, que não consome muitos dados e nem ocupa muito a memória do celular”, esclareceu o diretor. As informações em tempo real fornecidas pelo aplicativo são atualizadas a cada 10 segundos. Exclusivamente para os usuários que instalarem o Meu Ônibus, é possível relatar se erros acontecerem e fazer sugestões sobre o serviço.

A inovação, para o prefeito, é uma evolução na qualidade do serviço oferecido ao público-alvo da empresa Cisne, “porque esse aplicativo será usado pelo pessoal que realmente precisa do transporte coletivo. Apesar do sistema de transporte funcionar bem, é um facilitador muito grande para as pessoas saberem o exato momento que o ônibus vai chegar, vai sair e se já passou ou não. Isso é um conforto para a população e traduz a boa prestação de serviço da Cisne junto com a Transita”, finalizou Ronaldo Magalhães.

 

 

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui