Vereador Guilherme Nasser

No último sábado (24), por volta das 21h40, um carro atropelou e feriu com gravidade dois adultos e duas crianças, uma de 6 e outra de 9 anos, ao tentarem atravessar a BR-381, na altura do bairro ABM, em João Monlevade. O motorista, que também mora no bairro, prestou socorro às vítimas. Segundo informações, eles estavam numa festa e voltavam para casa, quando foram cruzar a pista e acabaram atropelados.

A situação poderia ser evitada caso o bairro contasse com uma passarela para travessia de pedestres. O desejo da comunidade local é antigo e alvo de vários protestos. Por conta da falta da passagem, pelo menos cinco moradores do ABM morreram nos últimos 10 anos, vítimas de atropelamento.

Os acidentes no bairro e a falta de solução para o problema foram lembrados na última quarta-feira (28), pelo vereador Guilherme Nasser (PSDB), em reunião da Câmara Municipal. Ele disse que o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) não atendeu á comunidade de forma plena instalando no local quebra-molas. “A comunidade ainda é prejudicada.

O quebra-molas não resolveu e acidentes no trecho continuam”, falou o parlamentar que sugeriu uma reunião com representantes do órgão para tratar sobre o assunto. “É uma vergonha falar que não colocam passarela por vão duplicar a BR-381. Até quando vamos ficar a mercê desse povo”, questionou Nasser.

Procurada, a Assessoria de Comunicação do Dnit não se manifestou sobre os fatos até o fechamento dessa matéria.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui