Arsae-MG emite nota esclarecendo sobre de falta de abastecimento

A Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário de Minas Gerais – Arsae-MG informa que recebeu, no mês de setembro, por meio dos seus canais de Ouvidoria, questionamentos relacionados ao desabastecimento de água em 23 cidades do Estado de Minas Gerais (Araçuaí, Barão de Cocais, Belo Horizonte, Betim, Conceição do Mato Dentro, Contagem, Diamantina, Esmeraldas, Espinosa, Igarapé, Iturama, Juatuba, Machacalis, Patos de Minas, Pompéu, Ribeirão das Neves, Salinas, São Gotardo, São Sebastião do Paraíso, Sarzedo, Serro, Teófilo Otoni, Vespasiano). A Agência afirma que também está atenta aos inúmeros relatos trazidos pela imprensa nos últimos dias o  que nos levou a apresentar um questionamento formal à COPASA sobre as causas do desabastecimento, o qual não foi esclarecido até o presente momento.

De acordo com a Arsae-MG, no sentido de intensificar suas ações fiscalizatórias que, até o presente momento, totalizam 148 Relatórios de Fiscalização no ano de 2021, um crescimento de 35% em relação ao ano anterior. Além disso, por meio de uma metodologia inovadora de cruzamento de dados, 141 municípios foram analisados pelo Programa Mais Água e Esgoto.

Anúncios
Continue lendo após o anúncio

Por fim, o órgão orienta que a população procure os canais oficiais do seu prestador (primeiro o canal de solicitação do prestador e depois a ouvidoria do prestador) e, caso o seu problema não seja resolvido, que procure os canais da Ouvidoria da Arsae-MG, tendo em mãos os protocolos de solicitação junto ao prestador e sua ouvidoria.

Ouvidoria da ARSAE: 0800 031 9293, horário de atendimento: de segunda a sexta-feira das 9h às 17h, exceto feriados. Pelo site Ou pelo MGapp

Anúncios
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui