Associação dos Rifles dos EUA defende mais regulamentação no mercado

Fuzil AR-15 é vendido em uma loja em Illinois - Scott Olson/Getty Images/AFP

A NRA disse que dispositivos que permitem que rifles semi-automáticos funcionem como automáticos devem ser regulamentados, e pediu para que os legisladores verifiquem a legalidade dos chamados bump stocks, que fazem com que essas armas atirem mais rápido. Eles foram usados pelo atirador do massacre em Las Vegas.

Nesta quinta, depois de muita pressão para que a Casa Branca se pronunciasse sobre uma revisão nas regras de compra e venda de armas nos Estados Unidos, a porta-voz Sarah Sanders disse que o governo quer discutir a regulamentação dos acessórios utilizados pelo atirador em Las Vegas para acelerar o poder de fogo dos rifles semi-automáticos.

Nesta quarta, o Xerife Joseph Lombardo revelou que o atirador Stephen Paddock passou décadas adquirindo munição e armas, e planejou meticulosamente o pior ataque doméstico da história dos Estados Unidos.

O ataque a partir do Hotel Mandalay Bay contra o público de um show de música country deixou 59 mortos e mais de 500 feridos. A polícia encontrou quase 50 armas de fogo no hotel, no carro e em casas do atirador.

Um agente do FBI disse que não há evidência de que o ataque foi um ato de terrorismo.

A polícia também revelou que o atirador já havia alugado um quarto em outro hotel no centro de Las Vegas, poucas semanas antes, no mesmo período em que acontecia um outro festival de música.

O advogado da namorada do atirador, que prestou depoimento nesta quarta à polícia, leu uma declaração em que ela diz que disse que ele era um homem calmo, e que nunca disse nada que a fizesse desconfiar do que iria acontecer.

Ela afirmou que pensou que o dinheiro que ele mandou enquanto ela visitava parentes nas Filipinas era uma maneira de terminar o relacionamento entre os dois.

Julho 2017

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here