Atacante Marcelo e o lateral Marcelo Hermes travaram bons duelos (foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)

As jovens promessas do Sub-20 do Maior de Minas foram observadas sob os olhos atentos do técnico Mano Menezes nesta quinta-feira. Chamados a Toca II, dez jogadores da base cruzeirense participaram de um coletivo com os profissionais, que terminou empatado por 1 a 1, com gols de Rafael Sóbis e Sassá.

Quem aproveitou bastante a presença dos jovens atletas da Toquinha foi o centroavante Fred, que tem aprimorado a forma física visando as decisões que se avizinham. Com bom humor, o camisa 9 brincou sobre a intensidade colocada pelos jogadores da base no treinamento.

“A molecada é uma correria, é difícil pra caramba. Demonstraram que têm muita qualidade, personalidade, então, foi bom. Lembro que, quando a gente subia do júnior para o profissional, não tínhamos o contato diário com o time de cima, então, a gente dava uma assustada. Com os meninos treinando com nós, eles já vão entrosando, vendo que não tem nada de diferente da base e vão adquirindo esta amizade e afinidade com nós. A gente vai dando os toques e vamos aprendendo com eles, que não têm medo de ir para frente, de buscar os gols”, destacou.

Jogo-treino

Enquanto alguns atletas do sub-20 participavam do treinamento com o elenco profissional, o restante do elenco encarou a equipe júnior do Boa Esporte e bateu o adversário mineiro por 2 a 0, em jogo realizado na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas-MG.

Os gols do triunfo cruzeirense foram anotados por Alesson, após rebote do goleiro, e Cesinha, em forte arremate da entrada da área.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui