Caixas de cerâmicas são furtadas de obra da sede do Sevor

Toda a obra está sendo feita com doações

Dez caixas de cerâmicas, cor branca, 32×57 e um carrinho de mão foram furtados da obra de construção da sede operacional do Serviço Voluntário de Resgate (Sevor). A ação de marginais foi registrada na madrugada de ontem (2). O material foi doado pela comunidade e o caso é investigado. Pistas de onde o material foi parar podem ser repassadas à Polícia Militar pelo telefone 190. As denúncias serão mantidas em sigilo.

Anúncios

A Sede Operacional é construída na avenida Sebastião Simão de Almeida, no bairro Sion. O local possui localização estratégica, próximo à saída de João Monlevade. O Sevor atua em João Monlevade e cidades da região há 16 anos. Ao longo do tempo, os 70 voluntários já atenderam cerca de 30 mil ocorrências.

Anúncios
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui