Câmara mantém tradição de Encontro de Bandas de Santa Bárbara

Os mais de 300 musicistas foram recebidos logo pela manhã no Memorial Afonso Pena

O 8º Encontro de Bandas realizado pela Câmara Municipal no domingo, 4, com apoio da Prefeitura, contou com a participação sete bandas: Corporação Musical Santo Antônio e Lira São Francisco de Assis (ambas de Santa Bárbara), banda de Música Santa Cecília (Rio Casca), Corporação Musical União Dionisiana (Dionísio), Sociedade Musical Santo Antônio (Alvinópolis) e Corporação Musical São Sebastião (Bela Vista de Minas).

Os mais de 300 musicistas foram recebidos logo pela manhã no Memorial Afonso Pena, onde foi servido um café. Em seguida, às 10h, as bandas seguiram para em frente ao terminal rodoviário de onde saíram em desfile pela avenida Antônio Pereira Rocha, sendo acompanhadas pela população que saiu às janelas e portas de suas casas para aplaudir. A Guarda Municipal de Santa Bárbara, além da organização do trânsito junto com a Polícia Militar, levou a bandeira do Município, Estado e do Brasil. As bandas seguiram até à Prefeitura, onde foi montada uma estrutura para a festival de Inverno e a festa de Santo Antônio, e lá foram acolhidas e fizeram cada uma sua apresentação individual.

O presidente da Câmara, Juarez Camilo, fez a abertura oficial do evento e, em seu discurso, disse que era uma honra ter esse evento no calendário oficial do município. “Sabemos que o trabalho de cada banda aqui reflete na valorização da cultura e as bandas de música são algo que cada município precisa zelar e tombar como patrimônio imaterial. Eu agradeço o esforço de cada banda que veio e sei que as que não puderam vir, muitas vezes é por falta de apoio das prefeituras, é por não ter o carinho sequer de arrumar um veiculo para a banda viajar”, defendeu ele.

O vereador Ermelindo Ferreira (PSL), disse que sempre vem com a família para prestigiar o evento. “Esse é um momento único e temos que reviver os bons tempos com as bandas, algo importantíssimo para a nossa cultura. Temos que cada vez mais apoiar e prestigiar para que as futuras gerações tenham a felicidade de participar de um encontro desse”, argumentou.

Já o presidente da Sociedade Musical Santo Antônio (Alvinópolis), Jurcirley Nazário, disse que uma ação como essa da Câmara de Santa Bárbara serve como exemplo para outras cidades. “Esse encontro de bandas precisa ser copiado pelas cidades da região porque cada vez mais as bandas de músicas estão sendo esquecidas pelo poder público e estar aqui, com essa recepção e apoio da Câmara de é algo fantástico, merecedor de todas as homenagens por nossa parte, pois é sinal de que aqui as bandas não serão apenas um retrato na parede”, disse ele.

 

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui