O caminhoneiro teria contado com ajuda de outros dois comparsas para roubar a carga de milho

Um caminhoneiro foi preso pela equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em Araxá, depois de ter simulado um assalto que teria acontecido noite anterior na BR-050, em Uberada para desviar a carga de 50 toneladas de milho e ficar com dinheiro da empresa em que trabalha.

De acordo com a PRF o homem chegou ao posto por volta das 18h desta terça-feira (7), e contou que assaltantes teriam lhe abordado na BR-050, logo depois do entroncamento com a BR-262, sentido São Paulo, tendo sido levada a carga de milho a granel, um aparelho celular, R$ 2.500,00 em cheques e R$ 300,00 em espécie.

Como demonstrava certo nervosismo em suas declarações e imprecisões nas informações, os federais resolveram verificar o disco de tacógrafo e tickets de pedágio. Foi realizada também buscas na cabine do caminhão sendo encontrando o celular que o caminhoneiro havia informado ter sido roubado e mais R$7.650,00 em dinheiro que estava escondido em um compartimento secreto, ao lado do rádio PX.

De acordo com a PRF, o autor confessou que combinou o desvio da carga em conversas com motoristas na cidade de Uberlândia, sendo acertado que eles deslocariam com o bi-trem até a cidade de Uberaba, no início da BR-050, logo após o entroncamento com a BR-262.

Após estacionar o veículo no local, na data de ontem (6) pouco antes da meia-noite, chegaram dois indivíduos em um VW/Gol de cor preta. Um dos marginais teria tomado a direção do bi-trem e o outro seguiu com o caminhoneiro no Gol para sair das proximidades da BR-050, até que descarregassem o caminhão que lhe foi entregue, mais tarde, já descarregado.

Diante da confissão do autor, ele recebeu voz de prisão em flagrante por furto da carga e pela falsa comunicação de crime. Os outros envolvidos na ação não foram localizados.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui