Ao todo, 180 animais de mais de 20 cidades de Minas Gerais vieram a Santa Bárbara para competir em 17 categorias de julgamento

A 25ª Cavalgada reuniu um número recorde de participantes na arena do 41º Torneio Leiteiro no domingo (9), sob o julgamento de Diego Vitral, credenciado em andamento e morfologia pela Associação Brasileira dos Criadores de Cavalo Mangalarga Marchador. O sucesso de participação, reunindo cavaleiros e amazonas de vários lugares de Minas Gerais fez com que a competição, que começou ao meio dia, se estendesse até quase 22h.

Além de Santa Bárbara, tiveram competidores de Bela Vista de Minas, Caeté, Viçosa, Amarantina, Itabira, Timóteo, Santa Maria de Itabira, Belo Horizonte, Ouro Preto, São Gonçalo do Rio Abaixo, João Monlevade, Conselheiro Lafaiete, Congonhas, Mariana, Santana do Paraíso, Urucânia, São Domingos do Prata, Rio Piracicaba, Baldim, Catas Altas, Taquaraçu de Minas, Betim e Nova Era. Ao todo, 180 animais estiveram na arena montada no Parque de Exposições Adilson Melo para a competição.

A ordem de julgamento das 17 categorias foi: trote (macho e fêmea julgados juntos), piquira (macho e fêmea julgados juntos), marcha picada (macho e fêmea julgados juntos), égua comum, égua campolina, égua pampa, égua paulista, égua mangalarga, cavalo comum, cavalo campolina, cavalo mangalarga marchador, cavalo pampa, cavalo paulista, mula, burro, amazona e mirim.

Entre todas as categorias foram distribuídos quase R$30.000 em prêmios. O campeão dos campeões foi Nivaldo José de Paulo, premiado com R$3200, e, Emílio de Alvarenga Duarte, o reservado campeão, levando R$2200.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui