Começa na quinta a votação do Concurso Nacional de Presépios

Presépios ficam abertos a votação popular até o final da exposição, em 6 de janeiro. Premiações serão entregues até 30/3

Concurso permite que participantes usem de sua criatividade para a elaboração dos trabalhos (Luiza Magalhães)

Na próxima quinta-feira (7), às 17h, a Fundação de Arte de Ouro Preto (Faop) abre a visitação e votação popular do 45º Concurso Nacional de Presépios, na sede do Rosário. O concurso, que chega à 45ª edição, busca estimular e valorizar a arte e a tradição religiosa, permitindo que artesãos, artistas e quaisquer interessados usem de sua criatividade para a elaboração dos trabalhos.

Os presépios ficam abertos a votação popular, permitindo que cada pessoa indique, por meio de uma cédula, a obra que mais lhe agradar. Os visitantes terão acesso a variadas releituras do costume natalino.

Premiação

Serão quatro premiações que somam um total de R$ 3.200. No primeiro momento, três obras serão indicadas por um júri técnico, no dia da abertura da exposição sendo premiadas com os valores de R$ 1.000, R$ 700 e R$ 500, respectivamente.

A seguir, os demais presépios, com exceção do melhor avaliado, serão votados pelo júri popular. Uma cédula será entregue aos visitantes na Galeria de Arte Nello Nuno, em Ouro Preto/MG, local onde as obras ficarão expostas até o dia 6 de janeiro de 2018.

Ao final da exposição, os votos serão apurados e o ganhador recebe um prêmio no valor de R$1.000. As premiações serão entregues até o dia 30 de março de 2018.

Os trabalhos congratulados com as premiações citadas acima serão incorporados ao acervo de presépios da Faop.

Presépios

A representação do nascimento de Jesus Cristo, em Belém, norte de Israel, cercado de animais, anjos, pastores e dos três reis magos – Baltazar, Belchior e Gaspar – teve início no século XIII, pelas mãos de São Francisco de Assis, com o objetivo de tornar mais fácil a assimilação da história pelos camponeses da época.

O costume, assim como a fé cristã, ganhou o mundo com as colonizações. No século XVII, o religioso Gaspar, homônimo do rei mago, de Santo Agostinho criou o primeiro presépio no Brasil, na cidade de Olinda/PE.

Julho 2017

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here