Prepare o bolso, pois na próxima semana a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai definir o reajuste tarifário para todos os consumidores da Cemig. A expectativa, segundo sinalização da agência reguladora, é de que o reajuste médio fique entre 22% e 25%. É a chamada revisão tarifária, que ocorre a cada cinco anos.

Anúncios

A principal justificativa para o reajuste é o custo da energia do país, mais especificamente o fato de a estiagem e os níveis dos reservatórios – que em dezembro passado atingiram a marca de 20%, a mais baixa da história – levarem ao acionamento das termoelétricas.

Anúncios
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui