Temer acompanhado do aniversariante, senador Wilder Morais, e do governador, Marconi Perillo
Facebook/Reprodução – 26.06.2016

Temer acompanhado do aniversariante, senador Wilder Morais, e do governador, Marconi Perillo


De olho nos parlamentares que ainda não declararam seu parecer em relação ao impeachment da presidente Dilma Rouseff, Michel Temer participou do aniversário do senador Wilder Morais (PP-GO), nesse domingo (26), em Goiânia. Morais está entre os indecisos ? mas segundo relatos, a recepção do presidente interino no evento não deixou dúvidas de qual será o voto do senador no plenário do Senado que decide o afastamento definitivo de Dilma.

Depois de pousar de helicóptero na fazenda do senador, local escolhido para sediar a festa, Temer se deparou com um banner de cerca de 15 metros com os dizeres: “Michel é a salvação do Brasil”. O presidente interino permaneceu na festa por cerca de 40 minutos, tempo suficiente para discursar de um palco aos 4 mil convidados.

Na fala, Temer deu destaque à trajetória de Morais, que apesar da origem humilde, “ficou rico” e chegou ao Senado Federal. O peemedebista aproveitou para traçar um paralelo com a sua própria história, ressaltando que é filho de imigrantes e conseguiu chegar à Presidência da República.

Também estiveram presentes nas comemorações o líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira (CE), o presidente do PP, senador Ciro Nogueira (PI), e os senadores José Medeiros (PSD-MT), Sérgio Petecão (PSD-AC) e Hélio José (PMDB-DF).

Preocupado com parlamentares indecisos, Michel Temer intensifica relação com senadores aliados
Luis Nova/Framephoto/Estadão Conteúdo

Preocupado com parlamentares indecisos, Michel Temer intensifica relação com senadores aliados


Corpo a corpo

De olho na votação final do processo de impeachment ? previsto para acontecer entre os dias 24 e 26 de agosto ? Temer tem intensificado a campanha corpo a corpo com os senadores indecisos.

Em outro gesto de aproximação com os integrantes do Senado, o presidente interino convidou as lideranças dos partidos da base aliada para uma cerimônia prevista para esta terça-feira (28), no Palácio do Planalto, na qual sancionará a Lei de Responsabilidade das Estatais, aprovada na semana passada.

*com informações do Estadão Conteúdo

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui