Informações repassadas por meio do Disque Denúncia Unificado (181) foram fundamentais para que a Polícia Militar de João Monlevade conseguisse identificar suspeitos de tráfico de drogas no bairro Santa Bárbara.  D.M.A, 23 anos, D.F.B.R, 31, e P.A.B, 21, foram levados para a Delegacia de Polícia Civil depois de flagrados com entorpecentes.

A polícia chegou até eles depois de receberem , no último domingo (19), por meio do DDU  queixa apontando intenso tráfico de drogas na Rua Olinda Dias Fernandes, no bairro Santa Bárbara. Além de venda de entorpecentes, consta na denúncia de que usuários estariam em via pública fazendo uso de drogas em frente a casas, moradores e crianças. A rua também estaria sendo usada para manobras com moto.

Diante da informação, a Polícia Militar intensificou o patrulhamento no local e, na noite desta terça-feira (22), quando policiais se aproximaram de uma escada que liga a avenida Getúlio Vargas à rua, viram alguns indivíduos no lugar. A equipe policial flagrou D.M.A entregando um objeto branco na mão de D.F.B.R. A dupla se assustou com a presença dos policiais e tentou fugir. P.A.B também estava próximo e também correu.

Os três foram capturados e rendidos. Na fuga, P. tentou se livrar de uma bucha de maconha. Ao ser submetido à busca pessoal, nada foi encontrado com o rapaz, que alegou ser usuário de droga. Ele disse ainda que não conhece os outros homens.

Com D.M, os policiais encontraram R$ 52,00. Ele é apontado em denúncia direcionada do DDU como suspeito de tráfico. Na queixa, registrada em 14 de dezembro do ano passado, o denunciante informou o endereço de D. como local da venda de entorpecentes.

O homem mora a cerca de 100 metros do local que foi abordado pelos policiais. Os militares foram até a casa dele e realizada busca nos arredores, foi localizado na área de serviço um pedaço de tablete de substância esverdeada semelhante a maconha juntamente com uma balança de precisão.

Os três homens foram detidos por suspeita de por tráfico de drogas e conduzidos para Delegacia de Polícia Civil afim de prestarem maiores esclarecimentos. Os celulares deles também foram apreendidos. Há a suspeita de que os aparelhos possam conter elementos que contribuam para a elucidação dos fatos.

DDU

Segundo a PM, o Disque Denúncia Unificado (181) é uma ferramenta de extrema importância, pois ajuda na prisão de traficantes, apreensão de armas e localização de veículos, produtos de crimes. As denúncias são feitas de forma anônima e o denunciante ainda pode acompanhar o resultado da queixa feita através de uma senha.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui