Djalma Bastos e Revetrie Teixeira recebem a “Medalha Alferes Tiradentes”

Revetrie Teixeira e Djalma Bastos junto ao presidente da Câmara de Rio Piracicaba, Tarcísio Bertoldo (c), ao receberem a Medalha Alferes Tiradentes (Divulgação)

O presidente da Câmara de João Monlevade, Djalma Bastos (PSD), e o vereador Revetrie Silva Teixeira (MDB) foram condecorados com a “Medalha Alferes Tiradentes”. A honraria foi entregue durante sessão solene de encerramento do 124º Seminário Brasileiro de Prefeitos, Vice-Prefeitos, Vereadores, Procuradores Jurídicos, Controladores Internos, Secretários e Assessores Municipais. O evento ocorreu no auditório do Espaço de Eventos The One Business, em Belo Horizonte, nos últimos dias 22 e 23.

Além de Djalma e Revetrie, o vereador Guilherme Nasser (PSDB) também ficou entre os parlamentares mais atuantes no município por meio de pesquisa realizada pelo Instituto Tiradentes. O levantamento foi realizado pelo sistema SENTIO, via telefone, cujo software garante segurança em relação às enquetes de opinião realizada em vários municípios. A análise levou em conta a aceitação pública dos vereadores da cidade e foi feita no período de 18 de janeiro a 20 de fevereiro.

O presidente Djalma Bastos foi lembrado 134 vezes durante a enquete e recebeu a medalha de ouro. Guilherme Nasser teve 119 votos e ficou com a prata. Já o vereador Revetrie Teixeira, que está em seu primeiro mandato, foi agraciado com a medalha de bronze, tendo recebido 107 votos.

A Medalha Alferes Tiradentes é conferida somente após criteriosa seleção de parlamentares com aprovação na mencionada pesquisa e que possuam ilibada idoneidade moral e relevantes serviços prestados à comunidade.
Para Revetrie, esse reconhecimento só aumenta a responsabilidade de buscar o melhor para Monlevade. “Sinto-me honrado em receber essa medalha e vou trabalhar cada vez mais em prol da população. Quero ser lembrado sempre por desenvolver um bom trabalho”, declarou.

Por sua vez, o presidente Djalma Bastos disse: “O maior reconhecimento do nosso trabalho vem do cidadão. Se recebemos essa honraria, é porque estamos contribuindo para o desenvolvimento de Monlevade e devemos seguir nesse caminho”.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui