A Polícia Militar de João Monlevade registrou o segundo homicídio do ano na cidade, por volta das 15h desta terça-feira (17), na Rua Pastor João Crispim Fernandes, no Bairro Planalto.

A vítima Tiago Abreu Custódio (foto abaixo), 22, foi assassinada a tiros, na sala de uma casa, onde segundo a polícia, já foi alvo de diversas intervenções devido ao consumo de drogas no local.

Quando os militares chegaram ao local, depararam com rapaz caído no interior da residência em meio a uma poça de sangue, já sem sinais vitais.

Segundo a polícia, um homem armado teria entrado na casa e efetuou vários disparos contra vítima, que foi alvejada pelo menos cinco vezes.

A polícia não conseguiu nenhuma informação que pudesse ajudar na localização do assassino, que fugiu após o crime tomando rumo ignorado.

WhatsApp Image 2017-01-17 at 18.20.51A perícia técnica da Polícia Civil esteve no local, que após colher informações que possam ajudar a elucidar o crime, liberou o corpo da vítima que foi levado para o necrotério do Cemitério do Baú.

Ainda segundo a polícia, a vítima era suspeita de ter cometido um homicídio no final do ano passado, no bairro Promorar, e acredita que essa possa ter sido a motivação do assassinato.

Viaturas da Polícia Militar fizeram diversas diligências no intuito de levantar a autoria do crime, bem como intensos rastreamentos na tentativa de localizar o autor, mas até o momento nenhum suspeito foi preso.

Outro caso

Na quarta-feira da semana passada, um homem também foi morto a tiros em João Monlevade. Zenilton Costa Dos Santos, 36 anos, foi alvejado por mais de 30 disparos. O crime aconteceu à luz do dia, na rua Tietê, bairro Centro Industrial. A vítima possuía dezenas de passagens pela polícia.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui