Nove custodiados do Presídio de João Monlevade realizaram as provas do Enem PPL, para privados de liberdade, que terminou ontem (24) em todo o país.

A organização ficou por conta do diretor da escola Manoel Loureiro, Joel dos Santos Pereira.

As informações são do diretor da unidade prisional Melquíades França Júnior. “Nos dias 23 e 24 os custodiados realizaram as provas, obedecendo as normas sanitárias definidas pelo Ministério da Saúde, com o uso de máscaras, tanto por parte dos inscritos como dos que aplicaram as provas”, disse ele.

Em todo o país 41.864 privados de liberdade, prestam o Enem PPL dentro de unidades prisionais e socioeducativas.

O Enem PPL avalia o desempenho do participante que concluiu o ensino médio e, a partir de critérios utilizados pelo Ministério da Educação (MEC), permite o acesso ao ensino superior por meio de programas como Sisu, Prouni e Fies. Além disso, contribui para elevar a escolaridade da população prisional brasileira.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui