Engenheiro é assassinado e corpo abandonado em São Gonçalo

Carro de Reginaldo foi encontrado batido

Reginaldo Gomes Vilarinho, foi vítima de latrocínio – roubo seguido de morte- em Barão de Cocais, na madrugada desta sexta-feira, dia 10. Ele teria ido até à cidade vender o seu carro.

O corpo de Reginaldo, que era engenheiro em Itabira, foi localizado numa área de difícil acesso, próximo à lagoa de Peti, em São Gonçalo do Rio Abaixo. Segundo a polícia, dois homens suspeitos do crime foram detidos e a arma usada por eles apreendida.

Familiares de Reginaldo procuraram a polícia na noite de ontem (9), e contaram que o engenheiro foi até Cocais – distrito de Barão de Cocais – negociar a venda do seu carro, um Fox. Como o homem não deu notícias, os familiares ficaram preocupados.

Reginaldo Vilarinhos

A Polícia Militar de Barão de Cocais foi acionada e constatou que um carro de cor branca e com as mesmas características do Fox de Reginaldo havia batido em um caminhão. O condutor, não identificado, abandonou o veículo, montou na garupa de uma moto e fugiu.

Ao realizar uma vistoria no carro, os militares encontraram manchas de sangue no porta-malas. Com as  pistas, os policiais começaram as investigações e levantaram o nome do suposto comprador do veículo. Os investigadores chegaram até o homem, que foi detido junto do amigo dele, para prestarem esclarecimentos.

Já na madrugada, policiais localizaram uma arma de fogo que pode ter sido usada no crime e pela manhã acharam o corpo de Reginaldo, que foi levado para o Cemitério da Paz, em Itabira. (Átila Lemos).

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui