Uma árvore caiu sobre o poste, derrubando toda a rede elétrica. Bell Silva

A forte chuva acompanhada rajadas de ventos fortes no final da tarde ontem (27) em João Monlevade causou muitos estragos pela cidade. O problema mais grave foi registrado no bairro Satélite, em frente à Escola Estadual Rúmia Maluf onde duas árvores caíram sobre a rede elétrica interrompendo o fornecimento de energia em todo o bairro e parte do José de Alencar. Uma das árvores chegou a derrubar um poste no local. A rede elétrica ficou energizada por várias horas até a chegada de uma equipe da companhia de energia para desligar a rede.

Na manhã de hoje homens da Prefeitura estiveram no local para a retirada das árvores para que os reparos possam ser feitos pela Cemig. Ainda não há previsão para que o fornecimento de energia seja estabelecido na região e nos outros bairros da cidade que foram afetados.

No Bairro Vale da Serra os moradores também estão sem energia elétrica desde ontem.

Na Avenida Amazonas, que fica no bairro Amazonas também houve queda de árvore sobre a rede elétrica e os moradores da região, também continuam sem energia.

Pela cidade vários outdoors caíram com a força dos ventos e muitos deles foram parar no meio das avenidas.

Segundo a Assessoria de Comunicação da Prefeitura de João Monlevade, em alguns pontos  onde houveram queda de árvore sobre a rede elétrica, a Cemig ainda não cortou a energia para que seja feita a retirada de galhos de árvores com segurança.

Cidade fica sem abastecimento de água

Ainda segundo a assessoria, o fornecimento de água em toda a cidade também está temporariamente interrompido por falta de energia elétrica na Estação de Tratamento de Água (ETA), na região de Santa Rita de Pacas. O problema também já foi comunicado à Cemig.

Por causa do forte vendaval, no Bairro Cruzeiro Celeste a cobertura de um estacionamento, em frente ao Supermercado Fraga, caiu sobre os veículos estacionados no local. Não houve feridos.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui