Falta de quórum, trânsito e homenagem marcam reunião da Câmara de Monlevade

A reunião semanal da Câmara de Vereadores de João Monlevade foi marcada por duras críticas ao projeto Novo Centro – que muda o trânsito em grande parte da região central da cidade. O encontro também terminou mais cedo, devido a falta de quórum de parlamentares no Plenário da Casa após a sessão solene de entrega de homenagem.

O tucano Guilherme Nasser foi quem deu o tom das críticas em relação às mudanças no trânsito de João Monlevade. Ele ponderou ser inadmissível a obra não ter um projeto de trafegabilidade e nem um engenheiro de trânsito envolvido nas modificações.

“Trânsito é para profissional e tem que ter projeto. Um projeto bem feito. Tem que ter engenheiro de tráfego, drones e custos.  O povo espera uma gestão de trânsito profissional e bem feita. Não dá para trabalhar com amadorismo. Estou vendo que está errado e precisamos de projeto.  Trânsito não se faz se alterando 200 metros que tem reflexo em 3 diâmetros de raio. Não podemos testar as mudanças com o dinheiro e a paciência do povo. Não dá para caminhar com amadorismo. Não posso concordar como estão fazendo as coisas aqui. Pioram o trânsito porque fazem sem  projeto. Questionei a  próxima etapa e tive como resposta que estão pensando. Não sou técnico e não vou me aventurar dizendo o que deve ser feito.  Tenho é que lamentar o que esta acontecendo”, desabafou.

Thiago Araujo Moreira Bicalho (Titó-PDT) também se demonstrou apreensivo com as modificações no trânsito sem o repasse de informações prévias sobre a questão. ” É triste e desanimador ser questionado e não ter resposta. Somos o último a saber do que está acontecendo. Lamentável não ter resposta contundente.  Não podemos aceitar que a Câmara e a Prefeitura trabalhem sem harmonia e, o trânsito é prova que isso está ocorrendo”, pontuou.

Belmar Diniz, Gentil Bicalho (ambos do PT) e Djalma Bastos (PSD) também criticaram a falta de informação sobre o projeto e os consequentes reflexos negativos.

Já o líder da prefeita Simone Moreira (PSDB) na Câmara, Sinval Dias (do mesmo partido) defendeu as ações da administração municipal enfatizando que as obras na região central estão melhorando a cada dia. Ele também reclamou das críticas e disse que a prefeita tem coragem em fazer as modificações, que são necessárias há anos, conforme o parlamentar.

Publicidade

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta para Reunião da Câmara termina mais cedo por falta de quórum | O Popular Cancelar resposta

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui