Família se recusa a vender drogas e traficantes tentam matar nove

Uma família composta por nove pessoas passou por momentos de terror na mão de traficantes, no Córrego São Miguel, em Rio Piracicaba.  A polícia foi chamada à casa da família depois que quatro homens invadiram o imóvel, por volta das 19h30 da última terça-feira (15) e abriram fogo no local. Os homens efetuaram cerca de dez disparos, que atingiram as janelas e o vidro de um carro.

Segundo as vítimas, os familiares são constantemente ameaçados pelos bandidos, já que aqueles não querem se submeter a comercializar drogas para eles.

Um dos bandidos chegou a encostar a arma na barriga de uma das vítimas, de 46 anos, e foi impedido de atirar pela mulher do homem. Quando a viatura policial chegou ao local dos fatos, os cidadãos infratores evadiram tomando rumo ignorado.

Durante o registro da ocorrência policial, os autores retornaram a casa das vítimas, invadindo novamente a morada e efetuando mais disparos de arma de fogo. Os marginais agrediram dois adolescentes de 13 e 14 anos. O último jovem foi mantido sob a mira de revólver, sendo que um dos bandidos ordenou que o comparsa atirasse no jovem, fato não concretizado.

A polícia também voltou ao local dos fatos e durante rastreamento encontrou um dos três homens apontados como autores das ameaças. Ele foi preso. Os demais ainda não foram encontrados.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui