Febre amarela mata 25 em cidades vizinhas. Doentes somam 38

No último balanço divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, no final de junho, os dados apontam que nas cidades vizinhas a João Monlevade, 25 pessoas morreram e decorrência da febre amarela. O município com o maior número de casos é Barão de Cocais, com 10 óbitos. Itabira apresenta oito morte, Santa Bárbara quatro e uma pessoa morreu em catas Altas, Ferros e São Domingos do Prata.

Anúncios

O maior número de infectados se concentra em Santa Bárbara (13) e Barão de Cocais (12). São Gonçalo do Rio Abaixo registro cinco infectados e Itabira três. Já João Monlevade tem dois casos e as cidades de Bom Jesus do Amparo, Rio Piracicaba e São Domingos do Prata tiveram um caso cada.

Continue lendo após o anúncio

A epidemia de febre amarela em Minas Gerais na temporada 2017/2018 vem perdendo força logo no fim de seu ciclo. Mesmo assim, é a pior já registrada no país. Desde julho do ano passado, 177 pessoas morreram com a doença, e outros 351 foram infectados, superando a temporada anterior (2016/2017), que contabilizou 475 casos e 162 óbitos.

No atual Calendário Nacional de Vacinação, a população alvo a ser vacinada contra febre amarela é a partir dos nove meses de idade.

Anúncios
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui