Febre amarela: Valadares, Fabriciano, Teófilo Otoni e Manhumirim decretam emergência

Quatro municípios mineiros decretaram situação de emergência nesta segunda-feira (20), devido ao elevado número de casos de febre amarela. Coronel Fabriciano, Governador Valadares, Teófilo Otoni e Manhumirim são as cidades de Minas Gerais que poderão solicitar apoio emergencial do governo federal para conter a situação.

A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, reconheceu o estado de emergência dos municípios por doenças infecciosas virais e publicou a determinação no Diário Oficial da União (DOU) de hoje.

A cidade de Ibatiba, no Espírito Santo, também decretou situação emergencial por registrar oito pacientes com suspeita, sendo cinco em estado grave.

Em Minas foram notificados cerca de 710 casos de suspeitas de febre amarela. Destes, a doença foi comprovada em 82 pacientes e 44 mortes foram registradas. Outros 72 óbitos estão sendo avaliados. (Hoje em Dia).

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui