Ao saber da carência do setor de saúde pública de João Monlevade em relação ao transporte, o vereador Fernando Linhares (DEM) resolveu minimizar a situação ao propor a cessão de dois veículos da Câmara para que a Prefeitura possa utilizá-los em favor da população.

No ofício encaminhado ao presidente do Legislativo no dia 11 de janeiro, Fernando informou que a Câmara conta com dois motoristas e três carros: um Volkswagen Jetta, um Renault Sandero e um Volkswagen Gol. “E um dos motoristas está afastado por ser do grupo de risco da covid-19. Então, não justifica ficarem dois carros parados na garagem à toa, enquanto falta veículo na Saúde para melhor atender à população”, justificou.

Fernando Linhares, que também é o secretário da Mesa Diretora da Câmara, disse que a cessão dos carros (Sandero e Gol), além de propiciar comodidade aos servidores e às outras pessoas que precisarem fazer uso dos veículos na Saúde, ainda garante economia para o Município, porque evitará de recursos serem investidos em veículos novos. “Dessa forma, o prefeito pode direcionar tais recursos para compra de medicamentos, consultas ou exames para os pacientes”, explicou o vereador, lembrando que, “Isso é legislar e também governar com austeridade, em especial neste momento de crise econômica e pandêmica”. A solicitação de Fernando está em apreciação pela Presidência da casa legislativa.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui