Hyoran marcou de pênalti para o Galo no último minuto da partida. Fotos: Pedro Souza / Agência Galo / Clube Atlético Mineiro

O Atlético Mineiro conseguiu desperdiçar mais uma oportunidade de colar ainda mais no Internacional, segundo colocado e o São Paulo, líder do Campeonato Brasileiro, voltando para casa apenas com um empate diante do Bragantino, em partida realizada na noite de ontem (11), no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

O Bragantino atacou menos, mas foi mais efetivo e marcou com Ricardo Ryller, no final da etapa inicial.

No retorno para o segundo tempo, o Atlético partiu logo para o sufoco e foi recompensado aos nove. O atacante Savarino aproveitou a boa jogada da dupla Keno e Arana pela esquerda para empatar de carrinho.

Com o 1 a 1 no placar, o Galo seguiu apertando em busca da virada. Mas, o que veio foi o segundo do Bragantino. O lateral-esquerdo Edimar venceu os zagueiros mineiros e colocou os donos da casa na frente mais uma vez. E quando parecia que o placar ia ser esse mesmo, já no minuto final dos acréscimos, o árbitro, com auxílio do VAR, marcou pênalti em uma entrada de Ramires em Guilherme Arana. Hyoran bateu aos 54 minutos, empatou e fechou o placar em 2×2.

O Galo segue na 3ª posição com 50, a três do vice-líder Inter e seis do líder São Paulo. O Bragantino ocupa a 13ª colocação com 35 pontos.

O Atlético Mineiro volta a jogar no domingo (17) contra o Atlético Goianiense no Mineirão. No mesmo dia, o Bragantino vai até Fortaleza para enfrentar o Ceará no Castelão.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui