Grupo de cavaleiros de João Monlevade viaja para Santuário de Aparecida em SP

Quatorze cavaleiros saíram da cidade de João Monlevade no dia 26 de setembro, para uma aventura de mais de 620 km até o Santuário de Nossa Senhora Aparecida, em São Paulo. A romaria em cavalos  chegou à cidade de Aparecida ontem, 11 de outubro.

Os integrantes já se aventuraram outras vezes. Segundo eles, neste caminho há dificuldades que vão sendo vencidas pela fé.  Durante o percurso, os cavaleiros têm o apoio de carros e caminhão que transporta animais reservas. Há meses, a viagem é organizada. Antes de pegar a estrada o pessoal faz uma refeição e recebe a benção de um padre da cidade.

A comitiva tem a organização de Marcinho Bicalho. Participaram da aventura Gentil, Eduardo,Tales Preto, Márcio Teca, Timbau, Railton, Russo,Ratinho, Japão, Cajuru, Zé Lascado, Leandro e Euler.

O Dia da Padroeira do Brasil, celebrado hoje (12), vai ser bem diferente este ano. Acostumada a receber muitas pessoas – só em 2019 foram 162 mil romeiros, a Basílica de Aparecida este ano vai fazer celebrações sem a presença de devotos em seu interior, de forma virtual. Isso tudo por causa da pandemia do novo coronavírus, que chegou ao Brasil em fevereiro deste ano.

Para possibilitar a participação dos fiéis, a Rede Aparecida de Comunicação e as redes sociais do Santuário Nacional  vão transmitir ao vivo as festividades em louvor à Padroeira.

Romeiros

Apesar das restrições de público presente no Santuário, alguns romeiros decidiram se arriscar e mantiveram a caminhada este ano. Segundo a concessionária CCR NovaDutra, que administra a Rodovia Presidente Dutra, por onde passa o maior fluxo de romeiros com destino à Basílica, entre os dias 1º e 9 de outubro deste ano, 1.288 romeiros passaram pela rodovia com destino a Aparecida. No mesmo período, no ano passado, foram contabilizados 3.708 romeiros.

Por meio de nota, a CCR NovaDutra informou que não recomenda este tipo de manifestação de fé, em função do risco para os peregrinos, que se utilizam do acostamento para caminhar. Além disso, ressaltou a concessionária, os eventos na Basílica este ano serão todos virtuais por conta da pandemia do novo coronavírus.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui