O Hospital Margarida pagou, nesta quarta-feira (29), a primeira parcela do 13° salário a seus funcionários. Na folha, estão os colaboradores dos setores administrativo e técnico. Médicos não recebem porque são prestadores de serviços da unidade e não funcionários O prazo estipulado pela legislação é o dia 30 de novembro. Pela primeira vez, após anos, a entidade conseguiu honrar o seu compromisso sem precisar de recorrer a empréstimos ou financiamentos com bancos e outras instituições.

O valor, em torno de R$750 mil, foi fruto da gestão equilibrada e uso dos recursos com responsabilidade. A segunda parcela a ser paga aos mais de 400 funcionários deve ocorrer em meados de dezembro.

Outro fator que contribuiu para que o pagamento fosse possível, foi a fundamental ajuda da comunidade, que acredita no Hospital e não tem medido esforços para continuar ajudando.  Segundo o provedor José Roberto Fernandes, neste ano, foram arrecadados mais de R$231 mil em doações através das contas de água, luz ou do projeto troco solidário, através do qual, o troco em supermercados é revertido em prol da unidade de saúde.

Para o provedor do Hospital, o momento é de comemoração. “Agradeço o empenho de toda a diretoria que tem abraçado nossos projetos e que trabalha muito sempre respeitando o hospital, como patrimônio de João Monlevade”, afirmou.

Atrasos

Mesmo com o atraso do pagamento de cerca de R$2 milhões por parte do Governo do Estado, referentes à produtividade do Hospital Margarida, José Roberto salienta que muitas medidas têm sido realizadas para tirar o hospital de uma situação de colapso financeiro. Segundo o provedor, a atual gestão procura otimizar recursos e mudou a forma de lidar com as demandas da entidade. Entre essas, ele destaca a realização de projetos e buscas de parcerias importantes. Inclusive, com deputados. Para o provedor, todo dinheiro de emendas parlamentares destinado ao hospital é bem-vindo. “Não somos partidários e recebemos a ajuda de diversos deputados, mesmo de siglas distintas, mas que entendem o valor dos serviços prestados pelo hospital para a comunidade.
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui