A igreja Sagrado Coração de Jesus – capela do bairro Cruzeiro Celeste- está interditada devido surgimento de trincas nas paredes laterais do imóvel. As rachaduras são causadas pelo esforço das tesouras de madeira do telhado, que estão apoiadas nas paredes.

A igreja fica às margens da BR-381, em João Monlevade e passou por vistoria da Defesa Civil municipal. O pároco da paróquia São Luis Maria de Montfort, padre Francesco Ferrari, já solicitou ao Conselho Municipal de Patrimônio Cultural a autorização para que obras de reparo sejam realizadas na igreja.

Os conselheiros precisam autorizar a intervenção visto que a capela foi tombada há 22 anos, pela Lei Municipal 1.243, que dispõe sobre a sua preservação como patrimônio cultural de João Monlevade. Depois de conferida a autorização, a igreja será reformada, respeitando as características do patrimônio tombado.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui