João Monlevade: em guerra do crime, dois são baleados em menos de 24h

A cidade de João Monlevade voltou a ser assombrada pela guerra do crime. Nos últimos dez dias, a população tem sido bombardeada por notícias diversas de roubos, assassinatos e tentativas de homicídio.

Num dos casos mais recentes, registrado na noite de ontem (25), um rapaz de 20 anos foi atingido por tiros no joelho e na perna. Ele estava numa moto e alegou para a polícia que foi surpreendido por homens encapuzados quando passava pela rua Bandeirantes, no bairro São João. A vítima foi levada ao Hospital Margarida. De acordo com o registro policial, a moto em que ele estava não foi encontrada. Os atiradores também não.

Dez horas depois desse atentado, a Polícia Militar registrou outra tentativa de homicídio. O crime, à luz do dia, foi registrado próximo ao posto de combustíveis Ale, no bairro Belmonte, na manhã dessa quinta-feira (25). Um homem foi alvejado com pelo menos dois tiros na cabeça e socorrido com vida ao Hospital Margarida.

Roubos

Ainda na noite de ontem (25), uma Ford Ranger foi roubada por dois homens. O carro estava na Joaquim Paulo Roberto (perto do velório municipal), quando os ladrões chegaram, renderam os ocupantes do veículo e anunciaram o roubo. Eles estavam armados. Além do carro, foi roubado ainda um Iphone 6S e R$ 200,00. Até o momento ninguém foi preso. O carro também não foi encontrado.

Pouco antes, foram registrados pelo menos dois roubos de celulares. Num deles, Um mulher de 20 anos contou que ao chegar em casa foi abordada por um bandido que, armado, exigiu a entrega do aparelho. O crime aconteceu no bairro Teresópolis. No outro caso, registrado minutos depois, no bairro Campos Elíseos, um homem, com as mesmas características, assaltou outra pessoa e também fugiu com o aparelho celular.

 

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui