João Monlevade registra uma morte provocada por Influenza

Dentre as pessoas que apresentaram sintomas, cerca de 16,4% ou 3,6 milhões de pessoas procuraram estabelecimento de saúde em busca de atendimento (Ilustração)

O balanço epidemiológico da gripe, divulgado nesta quinta-feira (3) pela Secretaria de Estado de Saúde (SES/MG), mostra que uma pessoa morreu em João Monlevade, em 2018, em decorrência do vírus Influenza A (H1N1). Dados sobre o paciente não foram divulgados. Além do óbito, o município registrou a contaminação pelo mesmo vírus de outros três pacientes, que foram submetidos a tratamento médico.

Conforme os dados da SES, no ano passado em Minas Gerais, 418 mortes foram registradas por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), sendo 98 relacionados ao vírus Influenza. Outros 23 são de pessoas que tiveram contato com os vírus Parainfluenza, VSR, Metapneumovírus e Adenovírus.

A Influenza é uma doença respiratória infecciosa de origem viral, que pode levar ao agravamento e ao óbito, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco para as complicações da infecção (crianças menores de 5 anos de idade, gestantes, adultos com 60 anos ou mais, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais).

Os vírus Influenza são os mais frequentemente identificados nos casos de Síndrome Gripal (SG) e também nos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), mas a infecção pela doença pode causar sintomas que se confundem com os encontrados em diversas outras infecções virais e bacterianas.

A Síndrome Gripal, manifestação mais comum da doença, se caracteriza pelo aparecimento súbito de febre, cefaleia, dores musculares (mialgia), tosse, dor de garganta e fadiga. Quando estes sintomas vêm associados a uma dificuldade respiratória com necessidade de hospitalização, o quadro apresentado é a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) – a notificação às autoridades de saúde é obrigatória na ocorrência de hospitalização ou óbitos.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui