Juízas de Santa Bárbara e Barão pedem medidas para acelerar processos

Juízas de Barão de Cocais, Santa Bárbara e Santo Antônio do Monte apresentaram pautas unificadas

O presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), desembargador Nelson Missias de Morais, recebeu três magistradas. Foram elas: Renata Nascimento Borges, da comarca de Barão de Cocais; Fabiana Gonçalves da Silva Ferreira de Melo, da comarca de Santa Bárbara, e Fernanda Campos de Lana Alves, da comarca de Santo Antônio do Monte.

As juízas apresentaram reivindicações conjuntas para dar mais celeridade à movimentação processual nas comarcas pelas quais são responsáveis.

O presidente Nelson Missias de Morais ressaltou que tem buscado efetivar políticas de valorização dos magistrados, ao adotar uma gestão compartilhada e transparente. Ele afirmou que é no primeiro grau que está a porta de entrada dos litígios, das demandas sociais da população. “Valorizar juízes e servidores, dotando-os de melhores condições de trabalho, é priorizar o cidadão que busca pacificar seus conflitos”, disse.

As comarcas de Barão de Cocais, Santa Bárbara e Santo Antônio do Monte possuem varas únicas e possuem, respectivamente, uma distribuição média de 584, 638 e 491 processos por mês, segundo estatísticas de julho de 2018.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui