Limpeza urbana está uma vergonha, diz vereador

Geraldo Antonio Marcelino (Tonhão-PPS), muito irritado, esbravejou, esmurrou o púlpito e disse que o carro da Casa é para usar para trabalhar para o povo

A limpeza urbana em João Monlevade, ou a falta dela, foi duramente criticada pelo vereador Geraldo Antônio Marcelino (Tonhão-PPS), durante reunião da Câmara, na tarde da última quarta-feira (22). O parlamentar chegou a ironizar que o secretário de Serviços Urbanos, Rivaldo de Brito “está dormindo” ao invés de acompanhar a execução dos serviços pelo município.

Tonhão citou que flagrou pelas ruas restos de capina que não foi recolhido em vários pontos da cidade. “A limpeza está uma vergonha. As equipes deixam os resíduos para trás e com isso o mato acaba entupindo as redes pluviais. É dever e obrigação da Prefeitura acompanhar o serviço. O secretário parece que está dormindo. Vamos trabalhar, secretário!”, criticou Tonhão.

Apesar da reclamação, o vereador elogiou o trabalho da prefeita de João Monlevade, Simone Carvalho (PSDB), que de acordo com ele, está comprometida em resolver o problema. “A prefeita Simone Carvalho está empenhada com a questão da limpeza pública e está trabalhando para que o serviço seja feito de forma adequada”, ressaltou. A fala dele foi reforçada pelo vereador Guilherme Nasser (PSDB), que pediu que a área do Velório Municipal, no bairro José de Alencar, seja limpa urgentemente.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui