Mais de 10 carcaças são identificadas no primeiro dia de ação de “limpeza” nas ruas de Monlevade

Sucatas de carros tomam conta de parte da avenida Getúlio Vargas, bem ao lado da secretaria de Saúde de João Monlevade (Ilustração Arquivo/O Popular)

Começou nessa segunda-feira (8), a notificação a donos de veículos, carcaças e sucatas que deixam os objetos espalhados pelas ruas de João Monlevade. Apenas nesse primeiro dia de “limpeza” 12 proprietários dos ferros-velhos foram identificados.

Os materiais ganharam um adesivo e os donos deles têm até 10 dias para providenciar a retirada das sucatas das ruas, passeios e áreas vagas irregulares.

Após o prazo, os materiais abandonados serão rebocados para o pátio credenciado do Detran de Minas Gerais, localizado no bairro Vera Cruz.

Além de impedir a interdição das vias públicas, as ações visam também combater o aumento de focos da dengue e alojamento de animais peçonhentos, bem como evitar que esses locais se tornem esconderijo de bandidos.

A retirada dos materiais das ruas ocorre após convênio entre a Prefeitura de João Monlevade e a Polícia Civil.

Na cidade vizinha de Itabira, a retirada de sucatas da rua começou no ano passado.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui