Na manhã do último sábado (17), um trabalhador de 28 anos morreu em decorrência de um acidente no alto-forno 2, a área da Gerdau, em Ouro Branco. Este é o segundo acidente na área da empresa registrado.Há um mês, três funcionários também morreram em decorrência de acidente na usina (relembre aqui)

Em nota, o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Siderúrgicas, Metalúrgicas, Mecânicas, Materiais Elétricos e Materiais Eletrônicos de Ouro Branco e Base (Sindob) disse que devido a mais uma morte na empresa, a situação é preocupante: “Preocupa-nos muito o alto índice de acidentes que vem ocorrendo na área da empresa, que em um curto espaço de tempo, resultou em cinco mortes. O Sindicato tomará todas as medidas cabíveis junto aos órgãos públicos competentes. Estamos agendando, em caráter de urgência, uma reunião com a Gerência de Segurança, a Diretoria Industrial e a Gerência de RH da empresa”.

O sindicato também prestou solidariedade aos familiares da vítima: “Reiteramos o nosso pesar pelo falecimento do companheiro e à família enlutada, enviamos os nossos pêsames. O Sindicato coloca seu Departamento de Saúde e Jurídico à disposição dos familiares”.

Também em nota, a Gerdau esclareceu as circunstâncias do ocorrido, lamentou o fato e afirmou que está prestando assistência aos familiares. “Com profundo pesar, informamos o falecimento do colaborador Leandro Rodrigues da Costa, 28 anos, ocorrido hoje, 17/12, em um acidente no alto-forno 2. Leandro foi socorrido imediatamente e encaminhado para o hospital Fundação Ouro Branco (FOB), mas, infelizmente, veio a falecer. Neste momento, a preocupação da Gerdau é estar ao lado da família, prestando toda a assistência, e trabalhar na apuração das causas do acidente”, escreveram. (Com informações: Correio da Cidade)

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui