Médico é vítima de sequestro relâmpago em Itabira

Faca usada para render a vítima. Fotos: Atila Lemos

A Polícia Militar de Itabira registrou mais um caso de seqüestro relâmpago na cidade. O crime ocorreu por volta das 22h30 dessa quarta-feira (9) tendo como vítima um médico que trabalha no Hospital Carlos Chagas. Ele foi rendido por três bandidos, um deles armado com uma faca, que anunciou o roubo.

O médico foi colocado no banco de trás do veículo Toyota Corolla com a faca encostada no pescoço, sob ameaças de morte.

Com a vítima no banco traseiro do veículo, eles seguiram até a estrada 105, próximo da Vila Amélia, onde pararam para colocar o médico no porta malas do carro. Neste momento ele conseguiu sair correndo pela via e, por sorte, deparou com uma viatura da Polícia Militar, que foi avisada do crime. Leia também

Houve perseguição aos bandidos pela rodovia AMG-900. Com sirenes e giroflex ligados, os militares davam ordens para que os bandidos parassem o carro, mas sem sucesso. Um dos militares efetuou dois disparos de arma de fogo nos pneus do veículo, obrigando os criminosos a pararem. Eles desceram do veículo e tentaram fugir a pé entrando no mato, mas foram detidos, dois menores de 17 anos e um homem de 20.

No interior do veículo, os militares encontraram todo dinheiro roubado da vítima, além de roupas, bonés dos autores a faca usada para render a vítima. Todo material e autores foram levados para Delegacia no bairro Campestre.

Fonte: Atila Lemos

Publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui