Menor que planejava chacina em escola de Nova Era é internado em BH

Por determinação judicial, o adolescente de 17 anos, que foi denunciado pela Interpol por planejar uma chacina numa escola da cidade de Nova Era, foi encaminhado para um centro de internação em Belo Horizonte. As investigações sobre o caso ocorrem em segredo de Justiça.

Na casa do rapaz foram apreendidos dois computadores que passam por perícia. Apesar de não terem sido encontradas armas, a polícia revelou que o jovem consegue distinguir tipos diferentes de armamentos.

Para concretizar o ataque, o jovem pretendia fazer uso de explosivos e de armas: o plano era explodir o muro da escola, atirar em alunos, professores e em membros da direção. Em seguida, ele pretendia se suicidar com um tiro na cabeça. De acordo com o adolescente, a motivação da chacina seria bullying por parte de colegas da escola, onde estudou até 2017.

 

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui