Agentes da Força Nacional foram feridos a tiros hoje (10) na Vila do João, localidade do Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro. De acordo com o Ministério da Justiça, eles entraram por engano na comunidade e foram recebidos a tiros por homens armados. Um dos militares está internado em estado grave no Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, zona norte. Os outros feridos foram encaminhados para o Hospital Sousa Aguiar, no Méier, e para o Hospital Municipal Evandro Freire, na Ilha do Governador, ambos na zona norte.

O comandante da Força Nacional de Segurança, coronel Alexandre Aragon, encaminhou-se para o Hospital Salgado Filho para acompanhar a situação do agente gravemente ferido. O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, também foi para o hospital.

Anúncios
Continue lendo após o anúncio

Segundo informações, os agentes estavam usando um aplicativo de celular durante o deslocamento, erraram o caminho e, ao tentar retornar para a Avenida Brasil, ficaram próximos da comunidade e foram atacados com um disparo. Os outros ferimentos foram causados por estilhaços de vidros. Um deles está em estado muito grave.

IMG-20160810-WA0023
O capitão Allen, do Acre, foi atingido de raspão no rosto e está bem, no Hospital Evandro Freire, na Ilha do Governador. O soldado Hélio Vieira, de Roraima, levou um tiro na cabeça e está sendo operado no Salgado Filho.

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, disse que dois dos responsáveis já foram identificados e que serão punidos. Outro agente foi atingido na testa, e o tiro saiu pelo outro lado.

O outro militar da mesma patente, Rafael Pereira, do Piauí, que socorreu os dois, disse que apenas três estavam na viatura.

O caso será investigado pela Polícia Civil do Rio.

Anúncios
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui