Mineiro morre ao tentar entrar ilegalmente nos Estados Unidos

Sidney da Silva, de 39 anos, morreu ao tentar entrar ilegalmente nos Estados Unidos. O corpo dele foi localizado logo depois da fronteira com o México, no estado do Texas. Era a terceira tentativa dele de entrar na Terra do Tio Sam, onde moram a esposa e uma filha, de 2.

A causa da morte não foi divulgada ainda. Scoob, apelido de Sidney, morava em Ferruginha, distrito de Conselheiro Pena, no Vale do Rio Doce. O homem foi identificado por causa do passaporte. Ele já havia morado em Boston, nos Estados Unidos, e tentava retornar àquele país.

Scoob foi o segundo mineiro a morrer na travessia aos Estados Unidos em maio. No início do mês, Fabrício da Silva Santos, de 31, foi encontrado morto no Rio Bravo, ainda no México. Ele morava em Guanhães, também no Vale do Rio Doce. A suposta causa da morte é afogamento. (EM).

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui