Monlevadense que morreu em acidente será velado em casa

O corpo de Everton Paulino dos Reis será sepultado no cemitério de Pacas

O monlevadense Everton Paulino dos Reis, 27 anos, morto na tarde de ontem (27) em acidente na “Ponte Torta”, será velado na casa dele, no bairro Nova Cachoeirinha. A previsão é de que o corpo chegue à residência por volta do meio-dia. O sepultamento será no cemitério de Pacas, às 17h.

Anúncios

O acidente aconteceu por volta das 14h e a demora na liberação do corpo é justificada pela falta de médico legista no IML de João Monlevade. Everton estava numa caminhonete que foi arrastada por um caminhão de cima da ponte sobre o Rio Piracicaba. Os dois veículos despencaram de uma altura de cerca de 10 metros e o carro do monlevadense foi prensado pelo veículo de carga. Ele morreu na hora. Um ocupante do caminhão também morreu antes do socorro chegar.

Continue lendo após o anúncio

Carga saqueada

Toda a carga de ração para cães, que era transportada pelo caminhão que se envolveu no acidente foi saqueada, em questão de minutos, por populares ainda quando o corpo de uma das vítimas estava preso nas ferragens de um dos veículos. Uma cena triste e lamentável. Segundo a PRF ninguém foi preso.

Leia matéria completa aqui.

Anúncios
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui