Moradores retirados de casa em Itatiaiuçu vão receber R$ 5 mil da ArcelorMittal

Após 13 dias da medida preventiva que levou à retirada dos moradores do distrito de Pinheiros, no município de Itatiaiuçu (MG), a ArcelorMittal informa que foram concluídas as negociações entre a empresa, os atingidos e o Ministério Público Federal e o Estadual para o atendimento emergencial às famílias. Durante a manhã desta quinta-feira (21), no hotel em Itaúna, foi assinado o Termo de Acordo Preliminar. O documento abrange aspectos humanitários, econômicos, ambientais e técnicos, enquanto uma solução definitiva é estudada pelas partes.

Conforme a mineradora, cada família receberá um abono de R$ 5 mil para gastos emergenciais. A família que perdeu a fonte de renda terá direito a um salário-mínimo, acrescido de 20% para cada membro, incluindo criança, adolescente ou idoso. Quem tem casa no distrito, mas não reside no local, também receberá um salário-mínimo.

Além disso, cada família terá o valor de uma cesta básica, que hoje, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), custa R$ 405. Esse benefício só será repassado para aqueles que não estão alojados em hotéis que forneçam todas as refeições.

“O pagamento mensal emergencial estará limitado ao valor total correspondente a 2,5 salários-mínimos por núcleo familiar, pelo período de 12 meses, não computados neste teto os valores correspondentes à cesta básica”, ressaltou a mineradora em nota informativa. A ArcelorMittal também afirmou que nenhum desses valores será descontado de uma possível indenização.

Ainda na nota, a ArcelorMittal apontou que reitera o compromisso com a segurança de seus empregados, de toda a comunidade do seu entorno, com os animais e o meio ambiente. A empresa informa que já está realizando um levantamento junto às imobiliárias locais no sentido de fazer com que os desalojados possam ser alocados em residências temporárias, se assim o desejarem, dentro do prazo de 45 dias.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui