Uma perseguição policial por volta das 22h de ontem (12), que iniciou no Bairro Bela Vista e terminou no Centro de Itabira, causou dois acidentes e deixou três pessoas feridas. Um jovem de 19 anos que tentou fugir da polícia teve um dedo amputado e foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

De acordo com a Polícia Militar, diversas denúncias davam conta de que haviam dois homens em uma motocicleta Honda/XRE, cor vermelha, em atitude suspeita observando alguns comércios na região do Bairro Campestre.

Anúncios
Continue lendo após o anúncio

Durante o patrulhamento pela Rua Raimundo de Souza no Bairro Bela Vista, os dois suspeitos foram vistos na motocicleta em direção ao Bairro Campestre. Os policiais deram ordem de parada ao piloto que desobedeceu e iniciou uma fuga em alta velocidade.

IMG_2389Os policiais passaram a perseguir os suspeitos. O piloto acessou a Avenida France de Paula Andrade e seguiu para o Bairro Pará. Durante o acompanhamento um dos militares deparou com um homem saindo do seu veículo que estava estacionado e, para não colidir contra a porta do carro que estava aberta, o militar freou a sua motocicleta, mas o policial que seguia logo através não conseguiu parar a tempo e bateu na traseira da motocicleta do seu colega, sendo os dois arremessados no asfalto. Um soldado teve que ser encaminhado para o pronto socorro com dores na região da coluna.

Diversas guarnições montaram o cerco bloqueio na região para interceptar os suspeitos em fuga. Uma guarnição que estava próximo ao Centro Cultural recebeu informação de populares que havia ocorrido um acidente próximo à Igreja da Saúde no cruzamento da Rua Dom Prudêncio com a Rua Dr. Alexandre Drummond. Ao avançar o sinal vermelho no referido cruzamento, o veículo em fuga  bateu na lateral da motocicleta Honda CG 150 Titan, com placa da cidade de Passabém, que era pilotada por uma mulher de 37 anos.

IMG_2395Com o impacto, os ocupantes dos veículos foram arremessados no asfalto e a XRE atingiu a frente de um veículo que estava parado no semáforo. Após o acidente, o homem que estava na garupa da XRE, mesmo ferido, se levantou e saiu correndo, sendo detido pelos militares na Rua das Margaridas no Bairro São Pedro.

Um dos suspeitos, que não possui Carteira Nacional de Habilitação (CNH), sofreu a amputação de um dedo e apresentava suspeita de fratura em uma das pernas. A condutora da motocicleta foi socorrida com deformidade em um dos joelhos com provável fratura.

Os militares acreditam que a dupla tenha dispensado algo ilícito durante a fuga, porém nada foi encontrado com os suspeitos. O suspeito precisou ficar internado na unidade de saúde e não teve como ser conduzido para a delegacia de Polícia Civil, mas posteriormente será intimado para prestar depoimento sobre o caso. A XRE foi apreendida e rebocada ao pátio credenciado.

 

Fotos: Thalles Benício

Anúncios
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui