Nova rede social, Hello se inspira em recursos de Orkut e Facebook

A rede social Hello Network é considerada por muitos como a principal candidata a tirar o reinado do Facebook. Criada por Orkut Büyükkökten, fundador do Orkut, o aplicativo tenta reviver, de forma independente, os tempos de glória da antiga plataforma do Google. A rede social de Mark Zuckerberg conta com mais de um bilhão de usuários ativos diariamente e mantém uma distância considerável para concorrentes como Twitter e Snapchat.

Após ser lançada para usuários dos Estados Unidos, Canadá, Austrália e Nova Zelândia, a rede social foi disponibilizada para usuários brasileiros e já pode ser usada por meio do aplicativo para Android e iOS.

O principal atrativo do Hello é conectar pessoas com interesses em comum por meio das personas. Ao se cadastrar na rede social, é possível escolher até cinco personas que ajudam a definir o perfil. O usuário pode se inscrever em grupos de acadêmicos, de amantes de carros ou até mesmo de piratas, por exemplo. Ao total, são mais de cem personas disponíveis na plataforma.

Orkut Büyükkökten desenvolveu o Orkut, enquanto ainda trabalhava no Google
Para melhorar a experiência, a Hello também conta com um questionário de 60 perguntas que ajuda a identificar sua personalidade. Ao terminar as perguntas, o usuário pode verificar o quanto é compatível com outras pessoas e acessar um relatório de conectividade.

Com o recurso, a plataforma pretende customizar o feed de notícias e torná-lo mais interessante para o usuário. A partir dos interesses cadastrados, a rede social também sugere novas amizades. Apesar de contar com algumas diferenças, o conceito de personas é bem parecido com os grupos do Facebook e as comunidades do Orkut.

A Hello também se inspirou na antiga rede social ao informar o usuário quem visitou seu perfil. Muito solicitado por quem utiliza redes como o Facebook e o Instagram, o recurso envia uma notificação sempre que alguém visita sua página pessoal.

Conforme interage com outras pessoas por meio de publicações, curtidas e comentários, o usuário vai acumulando pontos que ajudam a subir de nível. Ao alcançar objetivos, a rede social libera novos recursos e exibe conquistas na página do usuário. A ideia é parecida com os selos do Orkut, que premiavam o perfil que atingisse uma quantidade de fãs ou quando usava todos os recursos da plataforma, por exemplo.

Rede social não possui recursos importantes

Quase indispensáveis para as plataformas atuais, algumas funcionalidades ainda não estão disponíveis na nova rede social. Um dos recursos que mais fazem falta é ver quem está online no momento. Apesar de poder enviar mensagens, a Hello ainda não exibe informações a este respeito.

Outro recursos precisarão ser implantados assim que a rede social conseguir mais usuários. Entre eles, o controle de privacidade, disponível em plataformas do Google e do Facebook, e uma versão web, para que os usuários consigam atualizar seus status pelo computador.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui